O que é aromaterapia quântica?

Pense na aromaterapia como um iceberg. Enquanto nós conseguimos ver diversos benefícios e componentes dos óleos essenciais, existe um outro universo que é maior do que esse universo visível, que representa a maior parte dos trabalhos na aromaterapia. Essa seria a parte não visível do iceberg. Com a aromaterapia quântica, essa parte que não está visível, ficará mais clara para você.

Essa é uma concepção revolucionária, pois entende a ação dos óleos essenciais em todos os aspectos dos seres humanos: físico, espiritual e emocional. O propósito da aromaterapia quântica é conduzir a uma vida de cura e de evolução.

Breve introdução sobre aromaterapia quântica

Na física quântica a matéria é, em sua essência, energia. Mas, se a matéria é energia, do que os óleos essenciais são feitos?

Os óleos essenciais são formados por diversas substâncias, que podem ser vistas e diferenciadas por um cromatógrafo. Mas, em última instância, essas substâncias são corpúsculos de energia, produtos da fotossíntese, da energia do sol transformada, metabolizada pela planta.

Dois cientistas muito importantes fizeram história na aromaterapia quântica: Daniel Pénoël e Marie Pénoël. Daniel, com mais de 40 anos de experiência como aromaterapeuta, teve seu conhecimentos postos em xeque quando sua esposa, Marie, contraiu uma bronquite muito grave. Daniel utilizou praticamente todos os óleos essenciais antibióticos.

Foi então que ele se lembrou de um óleo essencial que havia recebido da Nova Zelândia. E, com duas gotas, entre a garganta e o coração, sua esposa começou a se curar.

Dessa maneira, surgiu a aromaterapia quântica, e suas descobertas foram publicadas em um livro com título “A aromaterapia quântica”.

Qual o diferencial da aromaterapia quântica?

A aromaterapia quântica alia o tratamento da saúde com um tratamento mais sutil e espiritual.

A diferença dela para a aromaterapia clássica é que, na tradicional, o uso dos óleos essenciais se baseia em seus benefícios farmacológicos. Já a aromaterapia quântica prioriza um tratamento mais profundo.

Em que situações é recomendada a aromaterapia quântica?

Ela pode ser utilizada em casos de algum problema de saúde, como problemas respiratórios, urinários, ginecológicos, digestivos, cutâneos, entre outros. Além disso, um tratamento aromaterápico pode beneficiar emocionalmente e espiritualmente.

Princípio fundamental da aromaterapia quântica: tudo tende ao caos

Existe um princípio na Física que diz que tudo no Universo tende ao caos, tende à desordem, tende à desorganização. Mas existe alguma força na natureza que mantém tudo unido, para que você, por exemplo, acorde de manhã e saiba que a sua realidade continua sendo a mesma realidade de ontem. Imagina se você tivesse que recomeçar todos os dias, não lembrasse dos nomes das pessoas, o seu emprego só durasse um dia. Mas isso não acontece, nós dormimos e a informação continua coerente ao longo do tempo na realidade.

Quando nós ficamos doentes, isso significa que o nosso corpo está tendendo à desorganização. O que foi descoberto por Daniel Penöel foi que os óleos essenciais são elementos neguentrópicos, ou seja, eles são elementos que promovem um equilíbrio, promovem a organização.

Por isso é muito comum a pessoa começar a utilizar a aromaterapia e resolver doenças, resolver desequilíbrios que não eram resolvidos por remédios convencionais, porque muitos desses remédios não são elementos neguentrópicos fortes. Pelo contrário, muitas vezes eles organizam determinado órgão, mas desorganizam outro, levando à polifarmacia.

Os óleos essenciais têm uma vibração quântica e essa vibração começou a ser desvelada com essa descoberta da aromaterapia quântica pelo Dr. Daniel Penöel.

Gostou de conhecer mais sobre a aromaterapia quântica? Acompanhe nosso blog para mais novidades!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Precisa de Ajuda? Clique Aqui!
Rolar para cima