Como usar óleos essenciais e se beneficiar? Terceira parte

Como usar óleos essenciais

Você é do tipo de pessoa que gosta de explorar ao máximo as possibilidades? Então, certamente você está acompanhando a nossa série de artigos, referentes a como usar óleos essenciais e se beneficiar com a Aromaterapia.

Nos posts anteriores, falamos sobre o uso de óleos essenciais por meio de inalação e uso tópico. Na terceira e última parte da série, vamos abordar um método não tão usual- o uso interno de óleos essenciais.

Confira a seguir e descubra mais esta possibilidade de Aromaterapia!

Como usar óleos essenciais : uso interno  

Quando o indivíduo ingere ou internaliza algum óleo essencial em seu corpo, dizemos que ele fez o uso interno.

Contudo, essa forma de utilização quando feita, somente é indicada para óleos essenciais 100% puros.

Em linhas gerais, há uma dosagem de referência que é considerada segura:

  • 1 gota (cerca de 25mg) para cada 20 kg de peso corporal;
  • 3 vezes por dia.

Dito isso, veja a seguir algumas formas de utilização interna dos Óleos Essenciais:

Óleo essencial nas bebidas

Leite, suco e água. Essas são as formas mais comuns de ingerir óleos essenciais pelo método interno.

Para tanto, as pessoas adicionam de 1 até 4 gotas (leve em conta o seu peso corporal e a dosagem padrão que mencionamos acima). É importante agitar muito bem antes de beber.

Uso de óleo essencial na culinária

Já parou para pensar que o uso de óleos essenciais pode dar aquela pitada diferenciada no tempero de sua comida?

O mais comum é utilizar óleo essencial de  limão, manjericão e orégano. Uma dica é dissolver de 3 até 5 gotas do óleo essencial que preferir, em 100 ml de azeite, por exemplo.

Método sublingual

Conhece o método sublingual para utilização de óleos essenciais? Consiste em pingar de 1 até 3 gotas de óleo essencial debaixo da língua. Mas, atenção: mantenha sempre a recomendação de 1 até no máximo 3 gotas, mais do que isso pode gerar irritação nos tecidos.

Via cápsulas

Outra opção de utilizar óleos essenciais internamente, é por meio de cápsulas. Para tanto, basta inserir de 1 a 5 gotas de óleo essencial dentro de uma cápsula vazia, fechar e ingerir, assim como se faz com qualquer tipo de cápsula. Pode ser com a ajuda de um pouco de suco ou água. Evite engolir a seco, beleza?

Por meio de supositório

Talvez você se espante, no entanto, o uso da Aromaterapia por meio de supositórios é algo muito comum na França, e em outros países da Europa.

Contudo, vale dizer que a aplicação deve ser feita por profissionais da área e com experiência. Sendo assim, fica aqui a nossa recomendação de não tentar fazer isso sozinho (a) em casa, certo?

Inserção na vagina

Também é utilizada a inserção de óleos essenciais, via interna, na região vaginal. Isso pode ser recomendado em casos de candidíase, infecções urinárias, miomas e cistos, por exemplo.

Seja com o auxílio de um absorvente interno ou com seringa, vale dizer que é importante seguir as orientações de diluição e de aplicação de um profissional da área.

Agora que você já conhece as principais maneiras de usar óleos essenciais, compartilhe com seus amigos e suas amigas!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima