Qual a Diferença entre Essência e Óleos Essenciais?

DÚVIDAS SOBRE AROMATERAPIA

QUAL A DIFERENÇA ENTRE ESSÊNCIA E ÓLEOS ESSENCIAIS?

 

Seja pela similaridade dos termos, seja por puro desconhecimento, é comum que essências e óleos essenciais e fragrâncias, sejam confundidas. Item primordial da Aromaterapia, o óleo essencial na verdade é diferente de uma essência, por exemplo.

E para deixar isso bem claro e tornar Aromaterapia cada vez mais clara para você, preparamos um post especial hoje!

Qual a diferença entre os dois termos, óleos essenciais e essências? É exatamente isso que veremos a seguir, confira agora no blog da SM Perfumes!

 

Aromaterapia só existe com óleos essenciais

Se você recentemente tomou contato com a Aromaterapia e quer usufruir dos benefícios, fique atento (a)! A prática só existe com o auxílio dos óleos essenciais, jamais com essências.

Vamos te explicar o motivo, mostrando as diferenças desses produtos, ok?

Para começar, quando falamos em essências, estamos falando de produtos sintéticos, ou seja, não são naturais.

As essências são reproduções/imitações sintéticas dos compostos que são encontrados somente nos óleos essenciais.

Via de regra, as essências possuem substâncias derivadas de Petróleo, e tem como efeito, apenas a fragrância, cheiro.

Já os óleos essenciais, via de regra, são produtos 100% naturais. Eles trazem o poder e os benefícios das substâncias extraídas de plantas especiais, ou seja, as plantas aromáticas.

Nos óleos essenciais, o aroma e a ação terapêutica se fundem, sempre naturalmente. Temos neles, o que chamamos de “alma” da planta.

Com isso, os princípios ativos de cada planta são levados para dentro do organismo. Isso ocorre por meio das moléculas que compõem os óleos essenciais.

Dessa forma, é possível usufruir dos benefícios, uma vez que tais princípios agem no organismo das pessoas. O resultado? Benefícios no âmbito físico, emocional e psicológico.

 

Os perigos das essências

Não é indicado o uso de essências sintéticas ao aderir a Aromaterapia. Isso pelo fato de que há riscos para a saúde do indivíduo.

É importante ficar atento (a):  MUITAS ESSÊNCIAS são elaboradas a partir de óleos essenciais, mas seus resultados e ações no organismo não são os mesmos.

Dos malefícios mais comuns do uso de essências, temos alta sensibilidade e irritações na pele, por exemplo. Sem contar com ânsia de vômito, mal-estar, etc.

 

Como identificar um óleo essencial para usar na Aromaterapia?

Algumas dicas que irão te ajudar a identificar que o produto é um óleo essencial 100% natural:

  • O rótulo traz o nome científico da planta, bem como a origem;
  • Não há uma infinidade de ingredientes, apenas o óleo essencial em si;
  • Se o valor estiver muito abaixo do mercado, desconfie;
  • Raramente o óleo essencial causa reações alérgicas.

 

Ainda com dúvidas? Só falar que a gente responde! Até a próxima!

 

[block id=”e-book-guia-definitivo-sobre-aromaterapia”]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Precisa de Ajuda? Clique Aqui!
Rolar para cima